EDIÇÃO Nº 171 - ANO XV | JULHO / 2014


Clube Pitzi comprova influencia do Whatsapp nos relacionamentos amorosos

19/06/2015


O Clube Pitzi, empresa de proteção de smartphones e celulares, realizou uma pesquisa com seus clientes para entender um pouco mais a relação das pessoas com seu smartphone e a maneira como ela influencia nos relacionamentos amorosos.  Realizada com mais de mil pessoas em 13 Estados do Brasil, a pesquisa traz questões relacionadas à quantidade de relacionamentos sérios que o participante já teve, se ele usa algum aplicativo de paquera e qual a frequência com que se comunica com o parceiro diariamente, dentre outras perguntas.

Uma curiosidade é que o  WhatsApp é o meio de comunicação mais utilizado por casais brasileiros, com 75% de adesão. Já o Facebook vem em segundo lugar, com 9%, seguido do SMS, com apenas 6%. 10% utilizam outras soluções. Além disso, 21% disseram estar solteiros e 79% declararam estar namorando, casados ou "enrolados". Mais da metade das mulheres comprometidas disse perder as contas de quantas vezes conversam por dia com seus respectivos pelo app. Entre os homens esse índice é de apenas 32%. A maioria deles afirma que a comunicação é feita de 2 a 3 vezes por dia. A pesquisa completa pode ser encontrada no http://blog.pitzi.com.br/.

Para Daniel Hatkoff, fundador do Clube Pitzi, os resultados da pesquisa mostram que essa relação dos brasileiros com o celular é bem intensa e facilita muito a comunicação, tanto de solteiros quanto dos que namoram. "É engraçado notar isso. Nos EUA, a relação das pessoas com o celular é diferente. Aqui no Brasil, aplicativos como o Whatsapp disseminaram rapidamente e manteve os usuários ativos, e esse número só cresce a cada dia".


Vídeos mais vídeos
Newsletter


Todos os direitos reservados | Revista Pronews