Dupla Comunicação comemora 10 anos inaugurando novos negócios

Notícia • 03 de Outubro de 2018

O ano era 2008. Naquela época, o Orkut ainda era a rede social mais popular do país, o Fotolog e o Messenger vinham em seguida. O WhatsApp não existia, o primeiro celular com tecnologia Android estava sendo lançado e o mundo enfrentava uma das piores crises financeiras da história. Foi nesse contexto limítrofe de mudanças e tensões que nasceu a Dupla Comunicação, agência pernambucana com sede no Recife que, sobrevivendo a crises mundiais e nacionais, completa 10 anos destacando-se no setor de comunicação corporativa no Nordeste.
Considerado o principal termômetro de desempenho dos pequenos negócios no Brasil, a taxa de mortalidade de empresas, divulgada a cada dois anos pelo Sebrae e pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), cresceu durante a atual recessão econômica. Segundo o último levantamento, dos 1,8 milhão de empreendimentos lançados em 2014, 33% fecharam até o final de 2016. O setor mais atingido pela recessão foi o de serviços, responsável por 25% dos fechamentos. Na contramão dos fechamentos está a Dupla, que atribui a sobrevivência à inovação e a adaptação às transformações e aos processos disruptivos pelos quais setor vem passando.

Iniciada por dois sócios-fundadores, já no primeiro ano a Dupla Comunicação dobrou de tamanho. No terceiro triplicou. Foi ampliando a atuação e seguiu crescendo em média 10% ao ano, margem que mantém até hoje, garantindo um faturamento anual de aproximadamente R$900mil. Para Michele Cruz, sócia-diretora do empreendimento, o segredo para superar o momento foi não se deixar assombrar com as más notícias da economia. “Calculamos tudo, fomos muito responsáveis, mas agimos com muita vontade e ousadia. Não hesitamos por medo, aproveitamos aquele momento difícil para criar oportunidades, novos serviços, parcerias e negócios”, conta.

O Sebrae indica ainda que as micro e pequenas empresas que tendem a sobreviver mais tempo no mercado são aquelas que costumam inovar, aperfeiçoando seus produtos e serviços, investindo em capacitação e mantendo-se atualizadas em relação às novas tecnologias. E não podia ser diferente no setor da comunicação, que passa por uma verdadeira mutação nos últimos anos, com o surgimento de novas redes sociais e dos influenciadores digitais, as novas formas de relacionamento com as mídias e seus novos protagonistas, o processo de derrocada de um formato antigo de jornalismo e o surgimento de novas possibilidades no campo. “Para chegar aos 10 anos crescendo, temos que ter muita visão de mercado e saber do que os clientes precisam. Nessa década, estivemos sempre nos adaptando às transformações sociais e digitais. Fomos agregando novas atividades ao nosso conjunto de soluções, oferecendo maior variedade de serviços de comunicação de maneira customizada”, afirma Antonio Tiné, sócio-diretor da Dupla.

Inovar na gestão do negócio também tem sido prioridade para a Dupla Comunicação. Com o formato aberto e horizontal, que conta com sete coordenadores, a Dupla é gerida em conselho colegiado. “Com ajuda de uma empresa de consultoria em gestão, a TGI, criamos o nosso próprio modelo, contando com coordenadores e seus núcleos”, afirma Michele Cruz. O novo formato de gestão foi desenvolvido dentro da Dupla Comunicação há seis anos para dar conta das demandas gerenciais e, consequentemente, garantir maior qualidade no atendimento ao cliente e uma melhor aproximação com cada uma das demandas do público interno. Fato que assegura um bom clima de trabalho, melhora a produtividade e reconhece a demanda individualidade de cada funcionário.

“Para além do formato de gestão, estamos sempre atentos ao cuidado com as pessoas e a capacitações da equipe. Chegamos aqui com princípios que nos acompanham desde o começo e que já estão no nosso DNA: verdade, ética, pé no chão e a ideia de que o crescimento só é sustentável quando é coletivo. Reconhecemos talentos por mérito, dividimos lucros e comemoramos tudo dentro de casa também”, pontua Michele.

Completa e conectada - A Dupla já nasceu como uma empresa de comunicação integrada. Começou atendendo empresas grandes e nacionais como Carrefour, Natura e Mondelez, além de outras menores locais bastante expressivas. Mas, com as transformações socioeconômicas, políticas, culturais e principalmente as tecnológicas da última década, foi necessário incluir novas atividades no portfólio para corresponder às necessidades dos atuais 24 clientes fixos, e dos outros sazonais e pontuais que contratam a empresa com frequência.

Depois de escutar bastante o mercado, nasceu a “Nós da Rede”, unidade de negócios tecnológicos da Dupla Comunicação. Em sociedade com Paula Dias, publicitária, professora, embaixadora da SP Digital School para o NE e mentora das Starups do Porto Digital, a Nós da Rede foi criada para ser um instrumento eficaz no mapeamento e tradução dos fenômenos comunicacionais em redes sociais digitais, analisando conteúdos e métricas. Através dessa unidade, a Dupla garante uma entrega de serviços completa, sugerindo com rapidez e assertividade, estratégias de comunicação inovadoras para seus clientes, direcionadas para objetivos específicos e metas de negócios. “A Nós da Rede marca os nossos 10 anos e já está dando vários frutos, oferecendo ainda mais segurança e outras oportunidades aos clientes da Dupla e ao mercado em geral. Temos planos estratégicos para essa unidade de negócios tecnológicos e visamos ultrapassar fronteiras. Ela não é um apenas um novo serviço, mas também um novo e promissor negócio chancelado pela e com o DNA Dupla Comunicação”, ressalta Tiné

Sem fronteiras – Em junho deste ano, a Dupla inaugurou uma unidade de negócios em Caruaru. A ideia é que, a partir do Agreste do estado, a empresa possa atuar de maneira mais próxima e customizada, oferecendo serviços integrados e estratégicos nas mais diversas plataformas. Rosangela Araújo e Claudio Rodrigues são os sócios regionais, à frente da nova unidade. Além da novidade no Agreste, a agência já dispõe de funcionários contratados em Garanhuns, Serra Talhada e Petrolina, e firma parcerias com outras empresas de comunicação em todos os estados do Nordeste e em várias regiões do País. “A inserção da empresa nesses outros lugares a partir de parcerias com outras agências foi um dos facilitadores, possibilitando medir e estudar os mercados, assegurando o melhor momento para instalar a Dupla em outra cidade. Caruaru foi a primeira das oportunidades e estamos usando-a como laboratório”, pontua Michele Cruz.

A DUPLA COMUNICAÇÃO
No mercado desde 2008, a agência está entre as melhores do Nordeste. Com sede no Recife, conta com uma unidade de negócios em Caruaru e, por meio de funcionários e parceiros em cidades estratégicas, atende em várias regiões do país. Tem 24 clientes fixos para os quais oferece consultoria em comunicação, relacionamento com a imprensa, produção de conteúdo para publicações impressas e online, conteúdos audiovisuais, mídias sociais, relacionamento com públicos estratégicos diversos, prevenção e gerenciamento de crises, design, comunicação para capital humano, eventos e treinamento em comunicação. Em 2018, inaugura a Nós da Rede, empresa de estratégia digital para além do trabalho comum em redes sociais, capaz de traduzir e sugerir estratégias de comunicação a partir de métricas. A Dupla Comunicação conta com uma equipe de 28 profissionais multidisciplinares para atender os mais diversos tipos de negócios e solicitações. Entre as marcas clientes estão Natura, Itaipava, Grupo Petropolis, Sebrae, Moura Dubeux, Shopping Recife, UniFG, Fecomércio, Senac, Sesc, Hospital Santa Joana Recife, Consorcio Novo Recife, Genomika, MRV Engenharia, Marie Mercié, Pontes Hotéis, Trocando em Miúdos, MV, Festival Arte na Usina, Cedepe, Filig, Celpos, Rosa Idalina, Otorrinos Recife, Ateliê Produções e Cumbuca.

Deixe seu comentário